Como configurar Juros e Multa nas cobranças recorrentes?

Em caso de atraso no pagamento do boleto, a sua escola pode cobrar multa e juros, desde que siga o estabelecido pelo Código Tributário Nacional e o Código de Defesa do Consumidor.

É importante que você se mantenha atualizado sobre os percentuais permitidos no momento de definição das taxas de multa e juros. 

Com a função “Juros e Multa”, o EduPay calcula automaticamente o valor da cobrança com as taxas de multa e juros definidos pela sua escola após o vencimento do boleto.

  • Por que definir taxas de juros e multas nas cobranças em boleto da minha escola?

Em caso de atraso no pagamento do boleto bancário, a cobrança de multa e juros é legal, desde que siga as normas estabelecidas por lei. Essa cobrança compensa os possíveis danos causados à instituição devido ao atraso no pagamento e, também, alerta as famílias sobre a importância de pagar os boletos dentro da data de vencimento. 

  • Em quais tipos de cobrança eu posso aplicar juros e multa? 

Você pode aplicar juros e multas apenas nas Cobranças Recorrentes da sua escola. Esse recurso não está disponível nos módulos Cobranças Únicas e Matrícula. 

  • Quanto posso aplicar de juros e de multa?

Conforme o artigo 52, parágrafo primeiro do Código de Defesa do Consumidor (CDC), Lei 8.078/90, a cobrança da multa não pode ser superior a 2%.

Na prática: imagine que a sua escola lançou uma cobrança no boleto para o evento de “Dia dos Pais” no valor de R$ 50,00 e a multa em caso de atraso é de 2%. Se o responsável atrasar ele terá que pagar os R$ 50,00 do boleto + R$ 1,00 de multa + o valor dos juros.

O juro é uma taxa que leva em consideração o tempo de atraso do boleto. Segundo o art. 406 do Código Civil e o artigo 161, parágrafo primeiro, do Código Tributário Nacional, os juros podem ser aplicados a, no máximo, 1% ao mês. Essa porcentagem será calculada levando em conta os dias de atraso do boleto bancário baseado no mês comercial (30 dias).

O cálculo de juros e multa é feito de maneira totalmente automática pelo EduPay. Basta cadastrar as taxas durante o processo de criação de cobrança. 😉

  • E como as famílias podem pagar os boletos em atraso?

Com o EduPay, pais e responsáveis conquistam mais autonomia para gerar a segunda via do boleto com o valor da cobrança atualizado. Para isso, basta acessar a cobrança no app Agenda Edu e inserir a nova data de pagamento. Um novo boleto será gerado automaticamente. 

  • Como incluir a função “Juros e Multa” nas cobranças via boleto da minha escola?
  1. Na sua plataforma Agenda Edu, clique no menu “EduPay” > “Cobrança” 

  2. Clique em “Nova cobrança” e crie uma Cobrança Recorrente.  

  3. Na página de criação da cobrança, em “Condições de Pagamento”, e habilite a opção “Aplicar multa e juros”

  4. Insira as taxas definidas, e pronto!

mceclip0.png

Se tiver qualquer dúvida, entre em contato através de nosso e-mail: atendimento@agendaedu.com, pelo nosso WhatsApp (11) 4280-1574 ou pelo chat online! 💚

Esse artigo foi útil?

Usuários que acharam isso útil: 5 de 5

Tem mais dúvidas? Envie uma solicitação

Comentários

0 comentário

Artigo fechado para comentários.